Fórum dos Médicos Codificadores de Portugal
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Peripherally inserted central catheter (PICC)

Ir em baixo

Peripherally inserted central catheter (PICC) Empty Peripherally inserted central catheter (PICC)

Mensagem por amaral bernardo em Ter 15 Jan 2019, 06:49

"Como codificar PICC com vygocard?
 No processo pode ler-se: ”Inserção ecoguiada de PICC na veia basílica (D/E), Vygocard.
 Faz Rx Tórax.”


(Responde Fernando Lopes)

 
 
Um cateter PICC (Peripherally inserted central catheter) é um cateter central inserido perifericamente.
É considerado um Infusion Device. Ver Definitions, Section 0 - Medical and Surgical Character 6 - Device.
Codifica-se do mesmo modo que um CVC uma vez que o que a ICD-10-PCS tem em conta é a posição da ponta do catéter e não o local de entrada.
 
Se a documentação especificar a localização da ponta do cateter essa informação é utilizada na construção do código na Body Part.
Na ausência desta informação utiliza-se Upper Vein (para os introduzidos através do membro superior) ou Lower Vein (através do membro inferior).
 
Assim, a codificação dum PICC introduzido pela veia basílica esquerda, sem mais informação, codifica-se com:
05HY33Z Insertion of Infusion Device into Upper Vein, Percutaneous Approach
 
A introdução ecoguiada pode codificar-se, embora não seja obrigatória. Por exemplo:
B54MZZA Ultrasonography of Right Upper Extremity Veins, Guidance
 
A informação do Rx ou de outro exame como, por exemplo, um TAC (realizados na altura ou posteriormente) também pode ser utilizada para codificar a localização da ponta do cateter, embora esta codificação não seja obrigatória (Coding Clinic 4Q 2015 p.28). "When available, coders may use the x-ray results to provide greater specificity." (Coding Clinic 4Q 2016 p.143) 
 
O dispositivo Vygocard permite a localização da ponta do cateter na altura da introdução (ver a seguir).
Mas a menção do uso de Vygocard, por si só, não afirma que foi conseguida a posição correta da ponta do cateter, nem se o cateter ficou na junção da veia cava superior / aurícula direita (02HV-) ou se ficou intra auricula direita (02H6-).
Para todos os efeitos ou o médico regista a localização da ponta do cateter, ou existe um exame que a descreve mas cuja consulta, sendo possível, não é obrigatória.
 
 
Fernando Lopes
 
 
Vygocard 2 is an intracavitary ECG lead system for non-radiographic, real-time  control of the position of the distal end of a central venous catheter. The main advantage of this method compared to the radiologic one, is the absence of patient irradiation. Vygocard 2 acts as an intracavitary electrode which transmits an electric signal thanks to a column of saline solution. The distal end of the catheter replaces and becomes a surface electrode. Thus the variation of the morphology of the P wave can be analysed in real time during the placement of the catheter. This variation of morphology is correlated with the position of the distal end of the catheter. A maximal amplitude of the P wave means that the catheter has reached the junction between the superior vena cava and the right atrium. If the catheter features a diameter equal or superior to 3Fr, the intracavitary ECG method can be used for any type of central venous line in order to adjust its position at the cava-atrial junction.
NB: 
- A negative deflection before the P wave indicates that the catheter has been inserted too deeply and that the distal tip is within the right atrium of the patient. 
- This technique is difficult to use in patients with a pace-maker in permanent stimulation and in case of atrial fibrillation.  (Vygon, Vygocard 2)
amaral bernardo
amaral bernardo

Mensagens : 322
Data de inscrição : 19/12/2016

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum